Texto do seu paragrafo 5 300x75 - Planejamento estratégico em 8 passos

Planejamento estratégico em 8 passos

Compartilhe:

Existe uma forma muito eficiente de pensar, organizar o tempo, as metas e burocracias da empresa que já está construída ou iremos construir. Ter eficiência de projeto, de empresa, de contrato, da Incorporação Imobiliária no geral é o que levará você a obter os resultados sonhados.

Vamos entender quais são elas?

Antes de tudo, você precisa organizar o que eu chamo de etapa 0. Aqui nesse texto eu direciono você sobre a organização de objetivos pessoais e profissionais e também a sua Missão, Visão e Valores. Se você ainda não tem essa etapa concluída, veja como começar.

Direcionar para texto de Missão, Visão e Valores.

O Planejamento Estratégico
Tenha claro o negócio que você está desenvolvendo!

Para realizar um planejamento estratégico empresarial é preciso estabelecer uma identidade e o posicionamento organizacional da sua empresa. Comece a pensar qual é o tipo de empresa que está sendo desenvolvida. A que tipo de cliente ela atende? Qual o foco do empreendimento? É Minha Casa, Minha Vida ou é alto padrão? Qual tipo de serviço eu presto? Qual é o meu papel nesse empreendimento? Sou o advogado, o arquiteto desenvolvedor de projetos de aprovação ou, por exemplo, estou em uma agência de marketing trabalhando com o lançamento digital do empreendimento?

O seu cliente precisa entender de primeira qual informação você está tentando passar, de preferência em uma única frase. A comunicação assertiva será a sua parceira no momento de estabelecer o seu negócio no mercado.

Dica: anote tudo! Comece o costume de organizar as suas ideias em um lugar que você consiga visualizar. Pode ser um caderno, um bloco de notas, um documento no computador. Isso será muito importante para enxergar os seus objetivos e se você está indo na direção desejada.

Conheça o seu mercado!

Analise o mercado que você está inserido e conheça o seu mercado, os seus concorrentes. Seja qual área você atue dentro da Incorporação, do construtor ao projetista de AutoCad, é preciso entender o que o mercado está fazendo, quem é que está fazendo igual a você e também quem está fazendo. Essa concorrência não é negativa, podendo inclusive gerar um Networking positivo e saudável. Tem mercado pra todo mundo! Se você acredita que precisa melhorar a qualidade do seu trabalho, faça o seu dever de casa e continue essa competição saudável.

Conheça bem o perfil do seu público!

Já sabe para quem é o seu serviço? Quem é o seu consumidor final? A gente precisa entender muito bem para quem o nosso serviço será prestado para entender o que esse cliente quer, o que ele espera e o que a minha Persona precisa comunicar. Criar essa persona dará mais conforto para você entender qual tom de voz usar, com quem você irá falar, se é com homens, mulheres, qual a faixa etária, etc. É fundamental entender o que o seu consumidor espera de você para entregar exatamente o que ele necessita.

Faça uma análise dos ambientes internos e externos da sua empresa

Você sabe identificar quais são os processos internos da sua empresa? Qual a rotina, quais os processos, como funciona a organização? Ter os processos internos organizados dará a grande visão para entender o que é preciso fazer, a que horas e com quais meios. Entender e analisar os ambientes internos é colocar ordem na casa! Limpar o meu escritório, entender como está a bagunça da agenda, ter uma organização para ser informado de relatórios internos, da concorrência, para estudar o mercado, a legislação, até porque a informação se renova todos os dias.

Com a parte interna organizada, dá tempo de olhar para os ambientes externos também. Existe muito material que necessita ser visto, estudado, informado. O estudo não para! Esse método de trabalho é amparado pelas boas práticas do mercado. Os negócios que usamos de inspiração são decorrentes de muito estudo. A inovação tem 1% de inspiração e 99% de transpiração. Empresas pequenas e grandes podem ter uma história inovadora, basta organizar!

Para começar a competir de igual pra igual, é preciso arregaçar as mangas, estudar e organizar!

Estabeleça as metas e objetivos do seu negócio

Desenhe as suas metas pessoais e profissionais! Isso vai dar a possibilidade de traçar as estratégias. Mesmo que você considere os seus exemplos muito inalcançáveis, não tem problema. Traçar essa meta é também entender como chegar até lá. Busque, por exemplo, ouvir a divulgação de resultados trimestrais de grandes empresas de Incorporação Imobiliária. Veja quais são os resultados, aprenda com eles. O conhecimento está disponível e é preciso saber como acessar e absorver dos melhores.

Dica: busque sobre a meta smart e aprenda a desenhar as suas. Saiba dizer o que você quer de uma forma muito clara, em cima do seu objetivo. Tendo isso claro, é possível realizar.

Defina as estratégias e o seu plano de ação

Se você já entendeu aonde quer chegar, qual o valor do seu VGV para os próximos ciclos, é preciso saber como chegar lá. Metas grandes precisam ser fatiadas em metas menores. Olhe para as suas entregas diárias, semanais, mensais. Quanto do tempo disponível está sendo dedicado para a sua meta? Estabelecer prazos impossíveis também não é o caminho, porque depois essas metas irão apenas se estender por prazos diferentes daqueles que você espera.

Uma solução eficiente é desenhar suas metas usando o conceito da meta smart. Crie o planejamento das estratégias da ação para revisitar para visualizar qual etapa está sendo atendida e qual não está.

Faça o planejamento estratégico do próximo ano

Isso é muito importante! Não adianta realizar um planejamento agora e chega em outubro e você ainda não comprou um terreno para o próximo ano ou não planejou nem um lançamento. Isso é uma coisa muito específica desse negócio, né?! Quando falamos da Incorporação Imobiliária a gente está sempre falando em dois anos no mínimo, né? Claro que existem empreendimentos populares que são mais rápidos por trabalhar com produção em escala.

Planejamento estratégico em 8 passos.
No nosso negócio precisamos de margem de tempo de um, dois ou até cinco anos. ;

É preciso entender o ciclo de vida da Incorporação Imobiliária, assim é possível saber quando é que vou abordar o incorporador para oferecer os serviços.

Ser estratégico é a diferença entre as grandes empresas e as que estão começando. São empresas que são mais conservadoras, analistas, que param, pensam, refletem qual a direção acertada a tomar.

Não erre no pequeno, no básico. Faça o que é prioritário antes: se organize, desenhe sua estratégia e só depois de entender tudo isso, execute. É preciso saber aonde quer chegar para escolher qual caminho seguir, né?! Isso é pra tudo na vida, concorda?!

Quer receber mais sobre esse e outros assuntos sobre o mercado imobiliário? É só marcar a estrela ali em cima à direita para receber mais conteúdos no seu email. Assim fica mais fácil pra eu garantir que elas cheguem até você, combinado?

Um abraço,

Carolina Caribé.

Compartilhe:

IP ADS 1080x1320 1080 x 1080 px 4 150x150 - Planejamento estratégico em 8 passos

Carolina Caribé